Exemplo FCO – Utilizando o método de pilar padrão simplificado.

 

Dimensionar e detalhar as armaduras do pilar contra-ventado, cujos dados estão abaixo:

 

 

Imagem do pilar

Seção

Diagrama de Momentos

Dados:

fck = 35 MPa

CA50

Grau de Agressividade II

Nsd=1900 kN

 

Solução:

 

1º Determinação dos comprimentos equivalentes em para cada direção:

 

 

 

2º Índice de esbeltez:

 

 

3º Momentos Mínimos

 

 

 

Verificação dos efeitos de segunda ordem para os momentos mínimos de primeira ordem:

 

Na direção x:

 

Para a esta verificação considera-se somente a ocorrência do momento mínimo logo:

 

 

 

 

Na direção y:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

4º Momento do meio do pilar

 

Na direção x:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na direção y:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

5º Determinação da taxa de armadura:

 

Utilizando o seguinte arranjo de armadura:

Arranjo

 

É possível obter as seguintes taxas de armadura para cada uma das solicitações abaixo.

 

 

Como pode ser visto a solicitação no topo do pilar cobre os casos do meio, pé e o momento mínimo na direção x. Desta maneira, só é necessário verificar os casos do momento mínimo na direção y e o caso do momento no topo do pilar.

 

6º Detalhamento da Armadura

 

Serão adotados estribos de 6,3 mm, barras de 20 mm para a armadura longitudinal e cobrimento mínimo de 30 mm. Assim os valores de d’ descritos no arranjo do item anterior serão respeitados e não será uma correção na taxa de armadura.

 

 

 

 

Como foi adotado um arranjo com armadura simétrica teremos:

 

 

 

 

Logo somente as barras do meio precisam de travamento adicional. Empregando-se barras com 2 ganchos teremos:

 

 

Copyright © 2008 - LMC/EPUSP - Todos os direitos reservados.

 

Desenvolvimento: Alberto Belotti Colombo e Túlio Nogueira Bittencourt