Formação profissional

 

Doutorado

 

Mestrado

 

Publicações

 

Áreas de interesse

 

Poesias

 

Links

 

Voltar a página principal

 

 

Por um instante...

 

Eu daria o mundo

E tudo o que nele poderia me pertencer

Para tê-la em meus braços

E sentir os teus lábios juntos aos meus

E no silêncio da noite

Iluminada pela luz do sol de um novo dia

Refletida pela lua - amiga dos amantes!

Num presente tão intenso quanto possível,

Comemorarmos juntos, juntinhos,

O passado e o futuro,

O feito e o que esta por fazer,

O tudo e o nada...

Sentir o tempo parar

Deixar que a terra gire

Que as luzes ascendam-se e apaguem-se

Que a vida continue

E a pessoas prossigam no seu labutar fatigante

Mas nós ali,

Naquele lugar indefinido do espaço,

De uma forma totalmente nossa,

Amarmos...

Vivermos...

Ao menos por um instante!

 

 

Telmo

Sampa, 27/01/99.