Coliseu

 

Foto003t.jpg (53168 bytes)

Newhouse, E. L., ed., The Builders, The National Geographic Society, Washington, D.C., 1992.

   

     O Coliseu, provavelmente o mais importante monumento da cidade de Roma, mostra a grandeza que o império romano atingiu.

     No entanto, apenas dois terços da estrutura original conseguiram resistir ao tempo, terremotos, vândalos e aos construtores medievais que o utilizaram como uma pedreira de onde obtinham materiais para suas construções. Mesmo assim, essa construção impressiona até os dias de hoje.

     Construído por ordens do imperador Vespasiano, suas fundações possuem mais de 12 metros de profundidade, e seus 187,5 metros de comprimento por 155,5 metros de largura formam um perímetro de mais de 540 metros. É assim, uma das maiores construções de todo o império romano, e podia acomodar entre 45.000 e 55.000 espectadores.

 

     A arena (87,5 m por 55 m) possuía um piso de madeira, normalmente coberto de areia para absorver o sangue dos combates (certa vez foi colocada água na representação de uma batalha naval), sob o qual existia um nível subterrâneo com celas e jaulas que tinham acessos diretos para a arena; como pode ser visto na figura abaixo (figura 1).

     Formado por cinco anéis concêntricos de arcos e abóbodas, o Coliseu representa bem o avanço introduzido pelos romanos à engenharia de estruturas.

     Esses arcos são de concreto (de cimento natural) revestidos por alvenaria. Na verdade, a alvenaria era construída simultaneamente e já servia de forma para a concretagem, como pode ser visto na figura 3.

     Alguns detalhes dessa construção, como a cobertura removível, abaixo à direita (figura 2), que poupava os espectadores do sol,   são bastante interessantes, e mostram o refinamento atingido pelos construtores romanos.

Foto003d.jpg (34122 bytes)

Newhouse, E. L., ed., The Builders, The National Geographic Society, Washington, D.C., 1992.

 

Figura 1:

colsub.jpg (26545 bytes)

Newhouse, E. L., ed., The Builders, The National Geographic Society, Washington, D.C., 1992.

Figura 2:

colcob.jpg (23237 bytes)

Newhouse, E. L., ed., The Builders, The National Geographic Society, Washington, D.C., 1992.

Figura 3:

rconc.jpg (27337 bytes)

Hitchcock, H. R., et all, World Architecture. Hamlyn, Middlesex, England.

     Acima, à esquerda está mostrado um esquema dos subterrâneos do Coliseu, à direita, é mostrada a cobertura removível sobre os espectadores, e ao lado, um esquema de como foi construído o concreto revestido com alvenaria.

 

Ficha Técnica

Nome Coliseu
Sistema Estrutural Arcos e abóbodas
Função Arena
Localização Roma, Itália
Época da construção 70 d.C.
Projeto Autor desconhecido
Execução Autor desconhecido
Dimensões Comprimento:    187,5 m

Largura:   155,5 m

Altura:   48,5 m

Material Concreto de cimento natural